Home > Blog >

Clareamento dental no Rio Tavares: o que você precisa saber

Clareamento dental no Rio Tavares: o que você precisa saber

11/05/2020

Os dentes amarelados começam, aos poucos, a tirar a coragem de sorrir com naturalidade. Isso não é nada bom. Se você chegou nesta fase, pode estar na hora de pensar em um clareamento dental. E é comum que surjam muitas dúvidas sobre o melhor tratamento para clarear os dentes.

Pensando nisso, decidimos contar tudo o que você sempre quis saber sobre esse tratamento, as soluções caseiras e para quem cada tipo de tratamento é indicado. Preparado? Então sorria pois já vamos começar!

Quem precisa de clareamento dental?

À primeira vista, essa pode parecer uma pergunta óbvia, mas a realidade é que, nem sempre, as manchas nos dentes indicam a necessidade de clareamento. Por isso, é importante esclarecer em que situações esse tratamento é mais indicado.

Os dentes amarelados, sinal de que você precisa consultar um dentista, podem ser causados por inúmeros fatores internos ou externos. O amarelamento pode ter origem no acúmulo de placa, que pode ser eliminada com uma limpeza profissional

O escurecimento dos dentes pode estar relacionado à idade, ao hábito de fumar ou a ingestão de alimentos e bebidas com corantes — como refrigerantes, sucos artificiais e até café, fatores genéticos e traumas.

Em geral, essas são as manchas que podem ser tratadas com um clareamento dental. Mas é sempre bom lembrar que qualquer que seja o método do tratamento, ele depende da avaliação profissional e deve ser aplicado por um especialista. 

Por isso, em todos esses casos, a recomendação é que você busque o auxílio de um dentista qualificado Assim, ele poderá identificar a causa do escurecimento dos seus dentes e avaliar qual a melhor opção de tratamento.  

Quais são os tipos de clareamento?

Os avanços tecnológicos e científicos têm permitido tratamentos cada vez mais eficazes, rápidos e simples. Atualmente, existem 3 tipos de tratamentos profissionais para clarear os dentes. Para que você entenda cada um deles, preparamos uma breve descrição:

Clareamento com moldeira

Começa com o molde e confecção de uma moldeira de silicone que se encaixa perfeitamente sobre os dentes. O paciente recebe um kit composto pela moldeira e um gel clareador. Durante o tratamento, é preciso seguir todas as orientações do dentista sobre a forma de usar estes materiais em casa. 

O uso do clareador pode ser durante o sono ou ao longo do dia pelo período que pode variar entre 2 a 3 semanas. É fundamental manter o contato com o profissional durante esse período para que ele possa acompanhar o progresso do tratamento.

Clareamento em consultório

Neste caso, é utilizado um produto clareador com maior concentração do princípio ativo responsável pelo clareamento. Durante o procedimento, o dentista protege a gengiva do paciente e, normalmente, é usada uma fonte de luz azul, que auxilia na ativação do clareador.

Este tipo de procedimento costuma ter efeitos mais rápidos. Em geral, bastam três sessões para o clareamento desejado. O resultado e o tempo de duração do tratamento vai variar de acordo com a condição dentária de cada paciente.

Clareamento associado 

Este clareamento dental combina as duas técnicas que citamos há pouco. Para este tratamento, o paciente utiliza a moldeira com o gel em casa, mas também passa por sessões de aplicação do ativo concentrado no consultório do dentista.

Justamente por combinar as duas técnicas, este é o método considerado atualmente o mais eficaz. Relatos de pacientes e registros clínicos mostram que esse é o procedimento clareador que traz resultados mais eficazes e com mais rapidez.

O clareamento dental é definitivo?

A duração dos resultados de um tratamento como este é a soma de diversos fatores. Ele vai depender do tom original do dente, dos hábitos alimentares e dos cuidados com a higiene bucal.

Em geral, um procedimento executado por um profissional qualificado pode ter efeitos que duram por aproximadamente 2 anos. Depois desse período, é comum que os dentes voltem a escurecer um pouco.

No entanto, na maioria dos casos, não é necessário realizar um tratamento completo novamente. Nestes pacientes, é feito o que os especialistas chamam de reforço. Se estiver em Florianópolis, pode fazer o reforço do clareamento dental no Rio Tavares, na Redeplus Odontologia.

Qual a diferença entre o clareamento dental profissional e o caseiro?

A Internet é um campo fértil para centenas de ideias sem constatação profissional ou científica. Os vídeos mostrando técnicas caseiras e naturais de clareamento dental viralizam e arrastam milhares de pessoas para essas práticas.

Mas, ainda que possam trazer algum resultado momentâneo, comprar produtos clareadores em lojas on-line pode ser um risco para a sua saúde. É o que alerta um artigo divulgado pelo Conselho Regional de Odontologia de São Paulo.

Isso porque, ao ser desenvolvido para uso genérico — sem considerar as condições específicas de cada pessoa —, um gel clareador costuma trazer concentração muito elevada de agentes químicos que, em altas doses, pode causar danos irreversíveis aos dentes, mucosas da boca e até ao sistema digestivo.

Escovação com carvão ativado clareia os dentes?

Além dos géis de clareamento vendidos livremente, outra prática comum é escovar os dentes com carvão ativado. Ainda que seja natural, ele também pode provocar efeitos colaterais perigosos. 

Foi o que identificou um estudo realizado na Universidade Federal do Rio Grande do Norte, em 2019. A pesquisa mostrou a relação entre o uso de carvão ativado e o aumento da sensibilidade dental leve já na primeira semana de uso.

Existe contraindicação para o clareamento dental?

O clareamento dental, justamente por ser realizado por meio de agentes químicos, não está recomendado para menores de 16 anos. Então, se você tem filhos, não pense em clarear os dentes das crianças por enquanto. 

Além deles, o tratamento é contraindicado para as gestantes, lactantes e pessoas com hipersensibilidade dental. Em casos de doenças crônicas — bucais ou não — ou outros tratamentos em andamento, o procedimento pode não ser recomendado.

Em qualquer situação, porém, é indispensável a avaliação profissional e uma conversa honesta com o seu dentista sobre suas condições de saúde. Aí, sim, ele poderá avaliar a indicação do clareamento.

Como fazer clareamento dental no Rio Tavares?

Como comentamos ao longo deste artigo, um clareamento dental feito de forma inadvertida pode trazer sérios riscos à sua saúde como um todo. Por isso, o primeiro passo é abandonar a ideia dos procedimentos caseiros.

Além disso, conforme já falamos, é preciso saber se o amarelamento dos seus dentes vai se atenuar com esse tratamento. E ninguém melhor do que o dentista para fazer esse diagnóstico.

Assim, antes de aderir a qualquer procedimento, agende sua consulta com um especialista para saber se o clareamento é necessário no seu caso e se há fatores que precisam ser resolvidos antes, como cáries e sensibilidade, por exemplo. 

Se você estiver buscando por clareamento dental no Rio Tavares, em Florianópolis, conheça mais sobre a Redeplus Odontologia em nossas redes sociais e por aqui no nosso site. A clínica  tem profissionais especializados em odontologia estética, preventiva e dentística, para cuidar da saúde bucal de toda a sua família.

Dra. Daniela Garbin Neumann

CRO/SC 5990 - Cirurgiã-dentista formada há 24 anos pela UFPR, tem mestrado e doutorado em Odontologia pela UFSC, na área de saúde coletiva - com estágio na Universidade de Toronto, Canadá. Pela sua tese de doutorado, foi premiada no Prêmio Capes de Tese 2015, e recebeu menção honrosa na Academia Catarinense de Odontologia.⠀ ⠀

Leia também