Home > Blog >

Profilaxia no Rio Tavares: o que é e como é feita

Profilaxia no Rio Tavares: o que é e como é feita

18/08/2021

Manter a saúde bucal em dia é um cuidado que envolve atitudes diárias simples e, ainda alguns procedimentos periódicos realizados por um profissional capacitado. Um deles é a profilaxia. Também chamada de limpeza dentária, ela é fundamental para prevenir e diagnosticar eventuais problemas bucais.

Neste artigo, a dra. Daniela Garbin Neumann, que é Especialista em Odontologia Preventiva e responsável técnica da Redeplus Odontologia, fala sobre a profilaxia dentária, o que é esse procedimento, como ele é realizado e qual a sua importância para a saúde da sua boca. Acompanhe com a gente.

O que é a profilaxia dentária?

O procedimento popularmente chamado de limpeza dentária, é realizado no consultório odontológico e consiste, basicamente, em uma higienização profissional, com a remoção de placa bacteriana e tártaro, dois problemas que podem levar ao surgimento de cáries, gengivite e mau hálito.

Durante esse processo, o dentista também avalia a presença de problemas bucais, verifica a estrutura dentária e repassa procedimentos de higiene e cuidados diários com a saúde dos dentes e da boca.

Qual a importância da profilaxia para a manutenção da saúde bucal?

A profilaxia ou limpeza dentária é um dos cuidados mais importantes que se deve ter com os dentes, conforme explica a Dra. Daniela: “Com este simples procedimento, trabalhamos a prevenção das duas principais doenças bucais: a cárie e a doença periodontal, que acomete as gengivas”. 

Por esta razão, a profilaxia deve ser realizada ao longo de toda a vida. Além de a remoção periódica da placa dentária e do cálculo ajudar na manutenção da saúde da boca como um todo, o procedimento é uma das oportunidades avaliar condições como a gengiva inflamada, por exemplo, e diagnosticar problemas bucais em fase inicial, o que facilita o tratamento.

Com que regularidade é adequado fazer o procedimento?

Como dissemos, a profilaxia deve ser feita ao longo de toda a vida. Já a periodicidade do procedimento pode depender muito de condições individuais de cada pessoa, como explica a nossa especialista, Dra. Daniela: 

  • a cada 6 meses – para pacientes em geral e para os que possuem muitas restaurações, alguma coroa protética e/ou implantes dentários ou, ainda, que passaram por uma reabilitação, ou estão em tratamento ortodôntico e
  • a cada 3 ou 4 meses – pessoas com alta formação de tártaro e presença de doença periodontal. O acompanhamento em intervalos menores, nestes casos, é essencial para evitar a futura perda dos dentes;

Crianças em fase de troca da dentição também devem realizar ao menos 2 consultas anuais, pois é uma fase de desafios em relação à higienização dos dentes.

A profilaxia é invasiva? Costuma doer?

A profilaxia dentária não é um procedimento invasivo nem costuma doer. Mas, como sempre gostamos de destacar, isso depende da resposta individual e condições bucais de cada paciente. Por este motivo, a visita regular ao dentista é fundamental.

A Dra. Daniela lembra que quanto mais tempo postergamos o procedimento, aí sim, pode haver mais sensibilidade. Isso ocorre pois a quantidade de placa acaba sendo maior e o tártaro fica mais aderido aos dentes, dificultando a remoção.

Quais os cuidados recomendados após a profilaxia?

Os cuidados com a higiene bucal diária são tão importantes quanto a profilaxia periódica. Por isso, as recomendações repassadas pelo profissional devem ser seguidas com capricho! Além disso, é sempre bom ficar alerta com produtos e receitas com base em indicação de amigos ou vistos na internet. 

Sempre que pensar em um procedimento “inovador” ou caseiro, fale antes com o seu dentista de confiança. Infelizmente, o uso inadequado de certos produtos de higiene bucal pode levar a problemas ainda maiores.  

O ideal é manter-se sempre atento aos cuidados diários e aos sinais de que você precisa consultar um dentista e, ainda, não deixar passar mais de 6 meses entre duas profilaxias. Se estiver na hora de realizar a sua, você pode contar com nossos especialistas em Florianópolis. Venha conhecer a Redeplus Odontologia no Rio Tavares. Entre em contato conosco ou faça seu agendamento aqui mesmo no site. Estamos sempre à sua espera.

Dra. Daniela Garbin Neumann

CRO/SC 5990 - Cirurgiã-dentista formada há 24 anos pela UFPR, tem mestrado e doutorado em Odontologia pela UFSC, na área de saúde coletiva - com estágio na Universidade de Toronto, Canadá. Pela sua tese de doutorado, foi premiada no Prêmio Capes de Tese 2015, e recebeu menção honrosa na Academia Catarinense de Odontologia.⠀ ⠀

Leia também